Destinos Europa Itália Roma

O que fazer em Roma: 15 pontos turísticos imperdíveis

História, arte, religião e gastronomia fazem parte da essência de Roma, uma das cidades mais visitados do mundo. Considerada um dos berços da civilização ocidental, a capital do antigo Império Romano ainda é lar de muitos tesouros históricos. Passear por Roma significa ver de perto o lugar onde os gladiadores lutavam, conhecer o lar do Papa, apreciar maravilhas da arte renascentista como a Capela Sistina e muito mais. Não faltam pontos turísticos de tirar o fôlego nessa bela cidade italiana. Aprecie monumentos antigos, inúmeras fontes, museus de arte, bairros charmosos, parques e restaurantes. E claro, reserve um tempo (ou melhor, um espaço no estômago) para degustar das iguarias locais como as pizzas, massas, brusquetas, gelatos e assim por diante.

O que fazer em Roma: Descubra as principais atrações da capital da Itália

Coliseu de Roma

É difícil pensar em Roma sem visualizar logo o Coliseu, uma das atrações mais populares da cidade. Construído durante o governo do imperador Vespasiano (Dinastia Flaviana) em 72 d.C, o Coliseu foi palco de combates entre gladiadores, espetáculos teatrais, execuções e muito mais. Concluído no ano 80, o anfiteatro é o maior já construído até hoje com capacidade para até 80 mil expectadores. Esse gigante feito de concreto e areia está localizado logo ao lado do Fórum Romano,  portanto você pode aproveitar para visitar ambos de uma vez só e mergulhar em uma aula de história.

coliseu - roma - itália - pontos-turísticoscoliseu - roma - itália - pontos-turísticos

Foro Romano

O Foro Romano é uma praça localizada no coração de Roma, que durante séculos foi o centro da vida pública da cidade. Situado quase ao lado do Coliseu, entre o monte Palatino e monte Capitolino, o Fórum representa hoje um conjunto de ruínas da Roma antiga. Imagine que no passado esse era o lugar onde ocorriam as cerimônias em homenagem aos militares, as eleições, os discursos públicos, os processos criminais, as lutas entre gladiadores e as principais transações comercias.

O território das ruínas é bem amplo, portanto reserve entre 1 e 2 horas para ver tudo com calma. Dentre as principais atrações que podem ser observadas no Fórum estão as ruínas de diversos templos, basílicas, arcos e santuários.

foro romano - roma - itália - pontos turísticosforo romano - roma - itália - pontos turísticosforo romano - roma - itália - pontos turísticosforo romano - roma - itália - pontos turísticos

Monumento a Vítor Emanuel II

É difícil não notar esse imponente prédio branco com inúmeras estátuas, fontes e colunas no centro de Roma. A construção, que foi inaugurada em 1911, é uma homenagem a Vítor Emanuel II, o primeiro rei da Itália unificada. Projeto do arquiteto Giuseppe Sacconi, a base do monumento hoje é lar do Museu da Unificação Italiana

Monumento a Vítor Emanuel II - roma - pontos turísticos - itália

Praça Navona (Piazza Navona)

Prédios coloridos, belas fontes, quadros por todos os lados e sessões de música ao vivo fazem da Praça Navona um lugar especial em Roma. Localizada no terreno de um antigo estádio esportivo, a praça é lar de três fontes importantes: Fontana dei Quattro Fiumi (Bernini/1651), Fontana del Moro e Fontana del Nettuno (Giacomo della Porta). Repare também no belo prédio do Palazzo Pamphilj (quarta foto), uma construção de meados do século 17.

musica-ao-vivo-praça-navona-roma-pontos-turísticos fonte-praça-navona-roma-pontos-turísticos quadros-praça-navona-roma-pontos-turísticos fonte-praça-navona-roma-pontos-turísticos

Panteão de Roma

Datado do ano 126 d.C, o Panteão é a obra mais bem conservada da Roma antiga. Situado entre a Fontana di Trevi e a Praça Navona, o Panteão abriga no seu interior os túmulos dos antigos reis da Itália e diversas obras de arte. Aliás, o interior da construção é uma obra prima por si só. Repare no óculo no centro da cúpula, que permite que a luz natural ilumine o ambiente. No exterior do prédio, as 16 colunas de granito com 14 metros de altura surpreendem pela sua imponência.

Fontana di Trevi de Roma

Eternizada nas telonas do cinema, a Fontana di Trevi ganhou fama internacional no filme A Fonte dos Desejos, lançado em 1954.  Fontana di TreviFoi o filme também que lançou uma tradição popular até hoje: jogar moedas na fonte para realizar desejos. Considerada a maior fonte de Roma, com 20 metros de largura e 26 metros de altura, a Fontana recebe milhares de turistas que deixam ali os seus pedidos todos os anos. São tantas moedas jogadas diariamente na fonte, que a cada ano elas são retiradas e o dinheiro arrecadado (cerca de 1 milhão de euros) é doado para organizações e projetos sociais. Desejos a parte, não deixe de apreciar toda a grandiosidade e beleza dessa obra-prima de 1762, que foi construída por Nicola Salvi e finalizada por Giuseppe Pannini.

Se você quiser seguir a tradição, jogue uma moeda para voltar a Roma; duas moedas para encontrar o amor da sua vida; e três moedas para casar com a pessoa por quem se apaixonou. E mais um detalhe, o certo é jogar a moeda com a mão direita sobre o ombro esquerdo.

Fontana di Trevi - fonte - Roma - Pontos turísticos Fontana di Trevi - fonte - Roma - Pontos turísticos

Praça de Espanha (Piazza di Spagna)

A Piazza di Spagna é uma das praças mais populares de Roma.  Encare as escadarias do século 18 até o topo para chegar na entrada da Igreja Trinità dei Monti. Lá do alto você pode ver a praça de outra perspectiva, observar o movimento na rua comercial Via dei Condotti e visitar o interior da igreja. Aproveite também os degraus históricos para sentar e recuperar as energias antes de continuar o passeio por Roma.

praça de espanha - roma - itália - pontos turísticos praça de espanha - roma - itália - pontos turísticospraça de espanha - roma - itália - pontos turísticos

Vaticano: Praça e Basílica de São Pedro

Considerado o menor estado da Europa, o Vaticano é a sede da igreja Católica e o lar oficial do papa.  Um lugar sagrado para os católicos, o Vaticano recebe turistas das mais variadas nacionalidades e religiões. Dentre as principais atrações da cidade-estado estão a Praça de São Pedro, a Basílica de São Pedro e os Museus do Vaticano, onde fica a famosa Capela Sistina.  No último domingo de cada mês a entrada na Basílica e nos museus é gratuita, mas prepare-se para enfrentar uma boa fila. Cuide também para não usar uma roupa muito curta ou decotada, pois a Basílica é um lugar sagrado e eles exigem roupas mais comportadas.

vaticano - roma - pontos turísticosvaticano - roma - pontos turísticos vaticano - roma - pontos turísticos

Museus do Vaticano

Sem dúvida uma das minhas atrações favoritas em Roma, os Museus do Vaticano surpreendem com um acervo de arte excepcional distribuído entre várias galerias. Por sinal, o nome do museu é no plural justamente porque se tratam de várias salas, mas não se preocupe porque elas são interligadas. É fácil de circular pelo local, mas há muito o que ver, portanto se você não tiver muito tempo vale a pena selecionar algumas salas.

Dentre as seções que eu mais gostei estão a Galeria das Tapeçarias, a Galeria dos Mapas e as Salas de Rafael. E claro, a Capela Sistina, uma obra prima pintada pelas mãos talentosas dos principais aristas da Renascença. Os pintores consagrados Michelangelo, Rafael, Perugino e Sandro Botticelli foram os responsáveis por concluir essa obra inspirada no Templo de Salomão. Prepare-se para guardar as imagens na memória, pois é proibido tirar fotos dentro da Capela.

galeria dos mapas - museus do vaticano - roma - pontos turísticos museus do vaticano - roma - pontos turísticos museus do vaticano - roma - pontos turísticos galeria das tapeçarias - museus do vaticano - roma - pontos turísticos

Passeio pelo Rio Tibre & Ilha Tiberina

Faça uma agradável caminhada ao longo do rio Tibre apreciando as inúmeras pontes históricas suspensas sobre as suas águas. Percorra as margens do rio passando pela ilha Tiberina e pelo Castelo de Santo Ângelo. A ilha, em forma de barca, pode ser acessada facilmente através de duas pontes. Aproveite para visitar a Igreja de São Bartolomeu, que foi construída sobre as ruínas do antigo Templo de Esculápio, o deus grego da medicina.

rio tibre - roma - pontos turísticos ilha tiberina - roma - pontos turísticos

Piazza del Popolo

A Piazza  del Popolo é um ponto turístico importante em Roma não apenas por ostentar um obelisco de 24 metros de altura, mas também por estar localizada em um lugar histórico. Onde hoje está a praça, no passado ficava o Circo Máximo, um lugar que servia de palco para jogos, corridas e espetáculos. Suba as as escadas até a Terraza del Pincio para apreciar uma vista panorâmica do local e ter uma noção melhor da sua grandiosidade.

piazza del popolo - roma - pontos turísticos piazza del popolo - roma - pontos turísticos

Parque Villa Borghese

Partindo da Terraza del Pincio é fácil chegar no parque Villa Borguese, um dos maiores da Europa. Aberto ao público desde 1903, o parque é popular para a prática de esportes como patinação e ciclismo. É um bom lugar para visitar se você tiver tempo extra em Roma ou se quiser dar uma passada rápida apenas para relaxar na grama. Se quiser explorar as atrações do parque, você pode conferir o museu de arte Galeria Borghese, o zoológico de Roma, o relógio de água do Pincio (século 19) e o Templo de Esculápio. Você também pode alugar um barco a remo e navegar pelo lago.

A Boca da Verdade

A Boca da Verdade é uma escultura de mármore dedicada ao deus do mar. Há varias lendas relacionadas com essa obra histórica, sendo que a crença mais famosa é a de que a boca mordia a mão de quem contava mentiras. Hoje em dia os turistas fazem fila para tirar fotos com a mão dentro da Boca da Verdade, que fica exposta no exterior da Igreja de Santa Maria in Cosmedin.

Castelo de Sant’Angelo

Construído a pedido do Imperador Adriano no ano 135, o Castelo de Sant’t Angelo foi planejado para ser um mausoléu. No entanto, o edifício de 5 andares com uma estrutura arquitetônica nada tradicional acabou virando uma fortaleza. Em 1277 foi construído um corredor fortificado conectando o castelo com a Cidade do Vaticano para servir como rota de fuga em caso de ataques.

O  mais legal da visita ao castelo é o terraço com uma ótima vista panorâmica de Roma. É um bom lugar para tirar muitas fotos das pontes histórias suspensas sobre o rio Tibre e da Basílica de São Pedro. No interior da fortaleza você também pode visitar acomodações decoradas com pinturas renascentistas, coleções de armas, celas presidiárias e uma câmara de cinzas.

Castelo de Sant'Angelo - roma - pontos turísticos - itáliaCastelo de Sant'Angelo - roma - pontos turísticos - itáliaCastelo de Sant'Angelo - roma - pontos turísticos - itáliaCastelo de Sant'Angelo - roma - pontos turísticos - itáliaCastelo de Sant'Angelo - roma - pontos turísticos - itáliaCastelo de Sant'Angelo - roma - pontos turísticos - itália

Trastevere: o bairro charmoso de Roma

Quer comer bem em um bairro super charmoso? Então pode adicionar o Trastevere no seu roteiro. Esse bairro de Roma é famoso pelas suas ruas estreitas, praças históricas, prédios coloridos, roupas nas janelas e  inúmeras opções de restaurantes com mesas ao ar livre.

trastevere - roma - pontos turísticos - itália trastevere - roma - pontos turísticos - itália sorvete - trastevere - roma - pontos turísticos - itália

Quer explorar mais a Itália?

Descubra os meus roteiros em Florença, Positano & Veneza

Quanto dias ficar em Roma?

Apesar de Roma contar com muitos pontos turísticos, não é preciso tanto tempo para explorar a cidade, já que quase todas as atrações ficam próximas umas das outras. Eu sugiro 3 a 4 dias para ver o principal.

Quando visitar Roma?

Eu estive em Roma no fim da primavera, no início de junho, e as temperaturas já estavam bem altas. Como Roma não tem praia e as atrações históricas exigem boas caminhadas eu sugiro visitar a cidade no início da primavera ou no outono europeu.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: